O Chamado de Deus

Segue o Resumão da Lição da Escola Sabatina

Vejam os itens mais importantes:

1- Há momentos em que Deus nos capacita para realizar uma tarefa específica por meio da educação ou das experiências; outras vezes, Ele nos escolhe para o serviço, simplesmente porque somos dispostos e humildes. Não é fácil saber qual é o chamado de Deus para nossa vida.

2- A Bíblia está repleta de histórias de pessoas que Deus escolheu para realizar tarefas específicas. Exemplo: Moisés, Daniel, Gideão, Maria mãe de Jesus; Paulo, Ester, João Batista, José, Josué e muitos outros…

3- Deus escolheu Esdras e Neemias para uma tarefa especial: reconstruir o que estava em ruínas. A reconstrução nesse caso envolvia vários trabalhos: 1- levar o povo de Israel  para Jerusalém; 2- reconstruir o templo; 3- reconstruir a cidade; 4- ensinar o povo sobre Deus e guiá-lo de volta a um relacionamento de compromisso com Ele.

4- Por que Deus escolheu Esdras? 1- porque ele estava disposto (preparado, decidido) a ir; b- era um líder; c- era um mestre e escriba habilidoso; d- tinha preparado o seu coração para buscar a Lei do Senhor e cumpri-la; e- estava disposto a ensinar em Israel os estatutos e os juízos da Lei de Deus. Esdras 7:10

5- Após chegar em Jerusalém, Esdras deu um excelente exemplo do que significa ser dedicado a Deus e ensinar a Sua Palavra. Ele fez esse trabalho muito bem, durante 13 anos. Havia evidências positivas de seu desempenho, dedicação e boa influência.

6- Por que Deus escolheu Neemias? 1- porque ele tinha um coração voltado para Deus e o povo; 2- tinha uma paixão pela causa e ofereceu-se para o trabalho.

7- Datas… muitas datas:

a- 538 a.C. – chamado de Zorobabel por Deus para ministérios especiais; b- 444 a.C. – chamado de Neemias por Deus; c- 457 a.C. -chamado de Neemias por Deus.

Por que essas datas da acima são importantes para o estudo das profecias?

a- Daniel 9:25 afirma “Desde a saída da ordem para restaurar e para edificar Jerusalém, até ao Ungido, ao Príncipe, sete semanas e sessenta e duas semanas”. A última semana dessa profecia aparece no verso 27.

b- Uma semana =7 dias — na profecia = 7 anos

70 semanas = 490 dias — na profecia = 490 anos Data inicial da profecia das 70 semanas ? quando foi promulgado o Decreto para restaurar e reconstruir Jerusalém.

c- Houve três Decretos: Ciro, Dario e Artaxerxes, mas o Decreto de Artaxerxes incluiu a preocupação com a cidade de Jerusalém e estava associado à exaltação a Deus por Sua intervenção. Esdras 7:27, 28.

d- Logo,  o início da profecia das 70 semanas = ano 457 a.C. , sétimo ano do rei Artaxerxes I. Além disso, esse mesmo ano marca também o início da profecia dos 2.300 tardes e manhãs de Daniel 8:14;

8- As informações em Esdras preenchem as partes que faltam da profecia do livro de Daniel, a saber, quando começar a contar historicamente o tempo profético em relação a aspectos cruciais do ministério de Cristo e Sua obra em nosso favor: 27 d.C. – Batismo de Jesus; 31 d.C. – Crucifixão de Jesus; 34 d.C. – Martírio de Estevão e o Evangelho levado aos gentios.

9- Rm 8:28, 29 – afirma que Deus nos chamou ou nos elegeu para sermos conforme a imagem de Seu Filho. Essa passagem diz que O Senhor não nos predestinou para sermos salvos ou condenados, o propósito da eleição é a nossa transformação.

10- Devemos ser transformados para refletir o Filho de Deus. Paulo declara que aqueles a quem Deus chama Ele também justifica , torna-os justos, e glorifica ou santifica.

11- Atenção! O Senhor NÃO nos pede que transformemos a nós mesmos; em vez disso, o Criador promete realizar essa mudança pelo Seu poder.

12- Em Rom 9, Paulo fala de outro tipo de eleição =  a eleição para a salvação. Existem dois tipos de eleição ou escolha que Deus faz. Primeiramente, Ele escolhe cada um de nós para a salvação e deseja que sejamos transformados à imagem de Jesus. Em segundo lugar, Ele escolhe pessoas diferentes para tarefas específicas.

13- Nossa responsabilidade, a nossa parte: Somos chamados por Deus, mas temos a livre escolha de ACEITAR ou REJEITAR esse chamado, assim como podemos ACEITAR ou REJEITAR a salvação que Ele nos oferece. Podemos escolher seguir Suas ordens ou não.

14- Importante: Deus deseja que façamos determinadas coisas por Ele, assim como nos convida a nos tornarmos como Ele. Ao realizarmos o que o Senhor nos chama a fazer, revelamos em nossa vida a realidade da salvação que Ele nos deu.

15- A nossa resposta pode ser como a de Esdras e Neemias, que estavam dispostos e preparados para o trabalho ou como Moisés, que tinha objeções e desculpas. Moisés acabou obedecendo, mas tentou se livrar da tarefa.

16- Conhecemos a história de Moisés. Quando Deus o chamou, ele relutou, se opôs ao chamado; disse que não era bom suficiente; era alguém sem valor, e não qualificado. “Sou pesado de boca e pesado de língua” Ex 4:10. Disse também que não tinha habilidades necessárias.

17- Como foi a liderança de Moisés? Se tornou um excelente e poderoso líder, embora falho. Esse servo de Deus cumpriu fielmente a tarefa que o Senhor o havia chamado para realizar.

18- Cuidado! Não podemos cometer o erro de Saul: aceitou ser rei de Israel, foi coroado rei, mas nunca se entregou completamente seu coração ao Senhor. Escolheu não seguir a orientação divina e não foi feliz! Ser chamado por Deus não é garantia que a pessoa aceitou o Senhor.

19- Aplicações para a nossa vida: 1- Deus sempre conduziu, conduz e conduzirá a história de maneira extraordinária; 2- É maravilhoso estudar os acontecimentos ou os fatos e confirmar o cumprimento de cada um nas profecias bíblicas; 3- O exemplo de Esdras e Neemias ao atenderem o chamado de Deus deve nos inspirar;

20- Continuação – Aplicações para a nossa vida: 4-  Deus nos elegeu a todos para a salvação; 5- Deus deseja que você e eu sejamos conforme a imagem de Seu Filho. Devemos ser transformados para refletir Jesus; O Senhor não pede que transformemos a nós mesmos, o Criador promete realizar essa mudança; 6- Há uma promessa maravilhosa: aqueles a quem Deus chama, Ele também justifica e glorifica.  7- Deus escolhe a cada um de nós para realizarmos trabalhos específicos para Ele. Deus conhece nossos dons e nossas habilidades e o que somos capazes de fazer se estivermos em Suas Mãos. Não precisamos nos preocupar, Ele capacita a todos que aceitam o Seu chamado.

Senhor, venha nos ajudar…    queremos aceitar o Seu  chamado para realizarmos o nosso trabalho específico com amor, dedicação e muita disposição, seguindo o exemplo de Esdras e Neemias. Amém.

Feliz Sábado! Sejam felizes!

Estudar a Bíblia faz bem!

Um abraço!

 

Texto elaborado por Dalva Amélia de Castro Menezes, professora adventista aposentada e membro da Igreja IASD do UNASP – SP.