Jesus e o livro do Apocalipse

Vejam os itens mais importantes:

1. Quando Jesus Se referia a Si mesmo e a Seu ministério, Ele frequentemente falava que as Escrituras precisavam ser cumpridas.

2. Quando pensamos ou estudamos o livro do Apocalipse, necessariamente, precisamos considerar ou relacionar ao livro de Daniel – Velho Testamento. É uma ótima prática estudar esses dois livros simultaneamente.

3. O aspecto essencial do livro do Apocalipse é a revelação de JESUS: quem Ele é, o que Ele faz para Seu povo e o que fará por nós no fim dos tempos.

4. Os livros de Daniel e Apocalipse têm duas divisões básicas: a primeira é história e a segunda escatológica (eventos do tempo do fim).

5. Ellen G. White escreveu; “Algumas cenas descritas no livro do Apocalipse estão no passado e algumas estão acontecendo agora; algumas nos apresentam o fim do grande conflito e algumas revelam os triunfos e o regozijo dos remidos na terra renovada”.

6. O ponto mais importante, independentemente da nossa situação imediata, é a certeza da libertação final e em meio a tantos ensinamentos do Apocalipse, o livro garante a vitória aos fiéis.

7. Apocalipse 12:1 a17 se enquadra nos acontecimentos históricos e finais, porque trata de acontecimentos do passado e também do futuro, a saber…

8. Acontecimentos históricos: conflitos históricos – a expulsão de Satanás do Céu, o ataque de Satanás contra o bebê Jesus e a perseguição da igreja em sua história subsequente; Acontecimentos finais: descrição do ataque do diabo ao remanescente no tempo do fim.

9. Representações de Jesus – livro do Apocalipse

Ap 1:5 Jesus = fiel testemunha, o primogênito dos mortos, e o soberano dos reis da terra. Aquele que ama, e pelo Seu sangue nos libertou dos nossos pecados;

Ap 1: 18   Jesus =  Aquele que vive, esteve morto, mas está vivo pelos séculos dos séculos, e tem a chave da morte e do inferno;

Ap 5:8   Jesus = Cordeiro que traz as marcas de Sua morte;

10. Continua… Ap 19:11-15 Jesus = Cavaleiro do cavalo branco que se chama Fiel e Verdadeiro, e julga e peleja com justiça; os olhos são chama de fogo; na sua cabeça há muitos diademas, tem um nome escrito que ninguém conhece senão Ele mesmo; está vestido com um manto tinto de sangue, e o Seu nome se chama o Verbo de Deus; sai da Sua boca uma espada afiada, para com ela ferir as nações…

11. Continua… Ap 21:6  Jesus = o Alfa e o ômega, o princípio e o fim. Aquele que dá de graça da fonte da água da vida a quem tem sede.

12. O livro do Apocalipse relata também o tema do santuário: no santuário terrestre, o ritual começava no pátio, no altar do holocausto, onde os animais eram mortos. Após a morte do animal, símbolo do sacrifício na cruz, o sacerdote entrava no primeiro compartimento do santuário, o que era um modelo do que Cristo fez no santuário celestial após Sua ascensão. Isso é representado pela cena de Jesus caminhando entre os candelabros.

13. Após Sua ascensão, Cristo foi entronizado no lugar santo do templo celestial.

14. Quando Jesus aparece pela primeira vez no livro do Apocalipse, Ele está diante dos candelabros, no primeiro compartimento no santuário celestial.

15. No livro do Apocalipse, podemos observar não apenas o ministério de Jesus nos dois compartimentos, mas o fato crucial e confortador de que os acontecimentos no Céu e na Terra estão interligados.

16. Ellen G. White afirma: “Podemos ter a certeza de que todo o Céu está empenhado na obra de preparar um povo para estar de pé no dia preparado pelo Senhor”.

17. Tudo no Apocalipse, desde sua estrutura até o conteúdo, tem o propósito de REVELAR Jesus Cristo. Muitos afirmam que o livro do Apocalipse é muito difícil de entender, mas com o espírito de oração podemos aprender as grandes verdades que Deus deseja nos revelar.

18. Apocalipse 1:7 ensina que Jesus virá de maneira visível, e todo o olho O verá. Essa promessa é central para toda a fé cristã. Sua vinda será literal, um evento a ser testemunhado pelo mundo inteiro, um acontecimento que, de uma vez por todas, acabará com o sofrimento, o caos e a ruína deste mundo. Será um prenúncio de todas as promessas da eternidade.

19. Apocalipse 22:7, 12 e 13 – Jesus virá em breve, trazendo a recompensa a cada um segundo as suas obras. Ele é o Alfa e o Ômega, o Primeiro e o Último, o Princípio e o Fim.

20. Jesus é o Gênesis do Antigo Testamento e o Apocalipse do Novo Testamento. Ambos se encontram em Cristo. Adão e Deus são reconciliados pela obediência do segundo Adão, que realizou a obra de vencer as tentações de Satanás e redimir o lamentável fracasso e queda de Adão do Éden.

21. Jesus é o Princípio e o Fim = Ele nos criou no princípio e nos recriará no fim.

22. Finalmente, podemos afirmar: a essência do livro do Apocalipse, a “Revelação de Jesus Cristo” aparece no início e no final do livro.

23.Enquanto aguardamos o cumprimento de Sua promessa, precisamos receber Sua graça.

 

Somos agradecidos a Deus pela Revelação de Jesus Cristo no livro do Apocalipse. Agradecidos pela salvação do Cordeiro Jesus Cristo e Sua graça. Confiantes, somos agradecidos pela promessa da vitória final. Amém.

Feliz Sábado! Sejam felizes! Estudar a Bíblia faz bem! Um abraço!
Texto elaborado por Dalva Amélia de Castro Menezes, professora adventista aposentada e membro da Igreja IASD do UNASP – SP.

Link para a lição completa: http://mais.cpb.com.br/licao-adultos/