A terceira viagem missionária

Vejam os itens mais importantes:

1. Lucas, o autor do livro de Atos, fala rapidamente a respeito da terceira viagem de Paulo. Ele relatou: Depois de passar um tempo em Antioquia, centro das missões de Paulo, o apóstolo “partiu dali e viajou por toda a região da Galácia e da Frígia, fortalecendo todos os discípulos”, cerca de 2.400 kilômetros. Atos 18:23

2. Isso ocorreu porque o  foco da viagem era Éfeso, onde passou mais tempo do que em qualquer outra cidade no decurso de suas viagens.

3. Essa foi a última viagem de Paulo como homem livre. A outra viagem do apóstolo, foi para Roma, mas como prisioneiro.

4. Paulo visitou Éfeso. O que aconteceu ali? a- Paulo encontrou-se com Apolo, homem eloquente que tinha grande conhecimento das Escrituras e era seguidor de Cristo; “ele era instruído no caminho do Senhor, e, sendo fervoroso de espírito, falava e ensinava com precisão a respeito de Jesus”. Atos 18:25 Apolo foi batizado por João Batista e conheceu Jesus Cristo durante Sua vida terrestre.

5. Continuação… b- Os amigos de Paulo, Áquila e Priscila, ajudaram Apolo a conhecer o progresso do cristianismo desde o ministério de Jesus. Apolo também recebeu carta de recomendação para as igrejas na Acaia o que explica seu ministério eficaz em Corinto; c- A história de Apolo está ligada ao relato de 12 homens que Paulo encontrou em Éfeso. Eles eram cristãos e ex-discípulos de João Batista; d- Paulo perguntou para esse grupo de 12 homens se haviam recebido o Espírito Santo. A resposta foi NÃO! Então, Paulo realizou o batismo deles e impondo-lhes as mãos, sobreveio sobre eles o Espírito Santo e falaram em línguas e profetizaram.

6. Ainda em Éfeso…  e- Paulo seguiu a sua prática de pregar nas sinagogas, porém, quando surgiu oposição, ele e os novos crentes se mudaram para o auditório da escola de um homem chamado Tirano, onde Paulo pregou diariamente por 2 anos. Como consequência, toda a província foi evangelizada.

7. f- Lucas registrou também várias vitórias do poder de Deus em Éfeso em relação à magia e práticas supersticiosas pelas mãos de Paulo, a ponto de levarem aos enfermos lenços e aventais do seu uso pessoal, diante dos quais as enfermidades desapareceram e os espíritos malignos se retiraram. Muitos que creram, queimaram seus livros de magia.

8. No final da permanência de Paulo em Éfeso, surgiu a história de Demétrio, um ourives que fazia de prata nichos de Diana (deusa), com motivação financeira; apelou seus companheiros para fazerem alguma coisa para não perderem o trabalho e nem cair em descrédito a adoração a Diana. Houve grande confusão!

9. Mesmo tendo enfrentado vários problemas, Paulo ficou muito satisfeito com seu trabalho em Éfeso e partiu para Jerusalém, deixando Timóteo e Erasmo ali para continuar o trabalho. Paulo desejava entregar os recursos que havia coletado entre os crentes gentílicos para aliviar a pobreza e até mesmo a fome dos seus irmãos.

10. Paulo em Trôade – Paulo fez uma reunião na igreja no domingo, era uma reunião não regular, mas especial. Eles se reuniram para a Ceia do Senhor. A reunião demorou bastante e durou até à noite, porque no registro bíblico menciona que tinha muitas lâmpadas acesas. Um jovem chamado Êutico, que estava sentado numa janela, adormeceu e… caiu e morreu durante o prolongado discurso ou pregação de Paulo. Quando Paulo percebeu, inclinou-se sobre ele e o ressuscitou em nome de Jesus.

11. Paulo em Mileto – Mandou chamar os presbíteros de Éfeso e teve uma conversa muito sincera com eles. E recapitulou seu ministério nesse lugar. Falou: “servi ao Senhor com toda a humildade, lágrimas e provações, anunciando o evangelho, com ênfase no arrependimento para com Deus e a fé em nosso Senhor Jesus Cristo. Jamais deixei de anunciar coisa alguma proveitosa e ensinar publicamente e em casa. Estou indo para Jerusalém… não sei o que vai acontecer comigo”; Atos capítulo 20

12. Paulo continuou falando… “o Espírito Santo me assegura que me esperam cadeias e tribulações, porém, em nada considero a vida preciosa para mim mesmo, contando que complete a minha carreira, e o ministério que recebi do Senhor Jesus para testemunhar o evangelho da graça de Deus… depois que eu partir, entre vós penetrarão lobos vorazes que não pouparão o rebanho; dentre vós mesmos, se levantarão homens falando coisas pervertidas para arrastar os discípulos atrás deles, portanto vigiai, não vereis mais o meu rosto!”. Atos capítulo 20

13. Paulo concluiu suas palavras dizendo: “de ninguém cobicei prata, nem outro, nem veste; essas mãos serviram para o que me era necessário a mim e aos que estavam comigo; trabalhando assim, é mister socorrer aos necessitados.”

14. Depois que Paulo disse todas essas palavras, ajoelhando-se, orou com todos eles. Houve grande pranto entre todos e, abraçando afetuosamente a Paulo, o beijaram e se despediram… Atos capítulo 20

15. Paulo em Tiro – Passou uma semana nesse lugar, aguardando descarregar o navio. Os discípulos movidos pelo Espírito de Deus, recomendavam a Paulo que não fosse a Jerusalém. Mas Paulo, resolveu seguir viagem, depois de ter orado com esses amigos na praia.

16. Depois de Tiro, Paulo seguiu para Ptolemaida onde ficou um dia com os irmãos.

17. Finalmente, Paulo partiu para Cesareia. Lá chagando, foi até à casa de Filipe, o evangelista. Esse tinha 4 filhas que profetizavam.

18. Paulo permaneceu alguns dias em Cesareia e encontrou-se com um profeta chamado Ágabo. Esse, tomando o cinto de Paulo, ligando com ele seus próprios pés e mãos, declarou: “Isto diz o Espírito Santo: assim os judeus em Jerusalém farão ao dono deste cinto, e o entregarão nas mãos dos gentios”. Atos  21:11

19. Os amigos de Paulo rogaram novamente para ele não ir à Jerusalém.

20. Paulo respondeu: “Que fareis chorando e quebrantando-me o coração? Estou pronto não só de ser preso, mas até para morrer em Jerusalém, pelo nome do Senhor Jesus”. Atos 21:13

21. Como as pessoas não conseguiram persuadir a Paulo, disseram: “Faça-se a sua vontade”.

Cristo Jesus, ajuda-nos a ter o espírito de missão de Paulo. Que o exemplo desse apóstolo possa nos inspirar a trabalhar arduamente, mesmo enfrentando problemas e obstáculos. Que possamos estar dispostos até morrer em Seu nome, como ele fez.  Amém.

Feliz Sábado! Sejam felizes! Estudar a Bíblia faz bem! Um abraço! 

Texto elaborado por Dalva Amélia de Castro Menezes, professora adventista aposentada e membro da Igreja IASD do UNASP – SP